terça-feira, 30 de novembro de 2021

Notícias

In:

CPI da Alemanha tem alta anual de 4,1% em setembro, como previsto

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da Alemanha subiu 4,1% em setembro na comparação com o mesmo mês de 2020, de acordo com a leitura final do indicador divulgada nesta quarta-feira, 13, pela Destatis, a agência oficial de estatísticas do país. O número veio em linha com a leitura preliminar e também com o esperado por analistas consultados pelo The Wall Street Journal.

A inflação registrada em setembro foi a mais alta desde dezembro de 1993, de acordo com a Destatis. O número foi puxado pelos preços de energia, que subiram 14,3% em relação a setembro de 2020, sob influência dos saltos de preço do óleo de aquecimento (+76,5%) e dos combustíveis (+28,4%). Os preços do gás natural subiram 5,7%, em meio à crise de abastecimento do insumo na Europa.

Em base mensal, o CPI ficou estável, também em linha com o que esperavam os analistas, e confirmando a leitura preliminar.

Autor: Matheus Piovesana
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *