quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Notícias

In:

Técnicos do Programa Viver Melhor participam de intercâmbio social e urbanístico em Recife

Por Erick Balbino

Técnicos da Prefeitura de Arapiraca que atuam diretamente no Programa Viver Melhor estão em Recife, capital pernambucana, participando de um intercâmbio social e urbanístico através do Centro Comunitário da Paz (Compaz), instituição aberta com foco na prevenção à violência , inclusão social e fortalecimento comunitário, premissas que também fazem parte do programa arapiraquense de sustentabilidade.

A comitiva arapiraquense contou com a coordenadora do Programa Viver Melhor, Ana Valéria Peixoto, com a secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Fabrícia Galindo, e com cinco arquitetos vinculados a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente.

Os técnicos arapiraquenses foram recepcionados pelo secretário de Segurança Cidadã de Recife, Murilo Cavalcante, que apresentou o projeto do Compaz desde sua criação em 2016, enfatizando que o modelo foi uma adaptação das intervenções realizadas em Medelín, uma referência em desenvolvimento e transformação social na América.

Além da experiência promovida pelos Compaz, os técnicos de Arapiraca também conheceram as intervenções urbanísticas realizadas na Favela Beberibe, o projeto social Rioteca.

Para a secretária de Desenvolvimento Social, Fabrícia Galindo, a visita a Recife e a experiência durante estes dias de intercâmbio tem sido muito importantes para ampliar o trabalho desenvolvido em Arapiraca voltado à garantia ao acesso à política socioassistencial.

“O prefeito Luciano Barbosa costuma dizer que a prefeitura deve trabalhar para todos, mas principalmente para os que mais precisam. Esse contato com intervenções urbanísticas e sociais nos permitem conhecer experiências que mudaram a realidade de famílias em situação de vulnerabilidade social no Recife. Com certeza vamos voltar para Arapiraca com ideias para desenvolver novos projetos em benefício da população”, disse a gestora.

A coordenadora do Viver Melhor, Ana Valéria Peixoto, destacou os impactos desse tipo de projeto na vida da população beneficiada direta e indiretamente.

“Projetos como o Compaz mostram a importância do poder público no combate às desigualdades sociais. Essa é a principal premissa do nosso Viver Melhor. Impactar positivamente a vida das pessoas em situação de vulnerabilidade é trabalhar diretamente na melhoria da qualidade de vida de toda a população, afinal Arapiraca é uma cidade para todos”, disse Ana Valéria.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *