domingo, 25 de julho de 2021

Notícias

In:

Enfrentamento à pandemia mantém AL com a 2ª menor taxa de óbitos por Covid-19 do país

Por Pollyana dos Anjos

Na atualização desta terça (20), estado registrou taxa de 169,9, ficando atrás apenas do Maranhão, no número de mortes por grupo de 100 mil habitantes. Foto: Thiago Duarte

Alagoas segue como referência nacional no combate à pandemia. Prova disso são os dados divulgados diariamente pelo Ministério da Saúde, que mantêm o estado como o 2º do Brasil com a menor taxa de mortalidade por Covid-19 a cada 100 mil habitantes nos últimos meses. Alagoas registrava, na atualização desta terça-feira (20), taxa de 169,9, ficando atrás apenas do Maranhão, que apresentou 133,8 mortes pelo mesmo quantitativo da amostra.

Os investimentos e o Plano de Distanciamento Social Controlado estão sendo aliados importantes no enfrentamento em Alagoas, que deixa para trás um cenário com 186 leitos de UTI em toda a rede pública de saúde e assume o protagonismo na assistência ao alagoano com 400 leitos exclusivos para o tratamento da Covid-19, um crescimento representativo de mais de 100%.

Segundo o mais recente Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulgado nesta terça-feira (20), Alagoas tem um total de 226.411 casos confirmados do novo coronavírus em Alagoas, dos quais 1.796 estão em isolamento domiciliar. Até o momento, foram registrados 5.671 óbitos por Covid-19.

O Governo do Estado estruturou a Saúde e aplicou políticas efetivas de enfrentamento à pandemia, ampliando a rede de assistência, instalando estruturas provisórias de atendimento, como as Centrais de Triagem e o Hospital de Campanha, além da entrega de quatro grandes hospitais permanentes só no último ano, que se somam às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) também construídas e mantidas pelo Governo.

Vacinas – Contribuindo para a redução dos números de ocupação hospitalar, que segue com 53% nos leitos de UTI, o avanço da vacinação, é, sem dúvida, um fator imprescindível para guerrear contra o novo coronavírus. Esta semana, em Alagoas, chegaram mais 135.870 doses, o que permite o avanço com a aplicação dos imunizantes para as pessoas acima de 35 anos e os bancários acima de 18 anos.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *