sábado, 12 de junho de 2021

Notícias

In:

Pam Salgadinho: encontro discute melhorias na prestação de serviços

Por Ana Cecília da Silva

Desenvolver parcerias com Instituições de Ensino Superior, promover uma gestão voltada para a humanização e melhorar a comunicação interna e externa do Pam Salgadinho foram algumas ações discutidas nesta segunda-feira (10), no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), durante a apresentação do Planejamento Colaborativo para a unidade.

Reunião discutiu um planejamento colaborativo visando a profissionalização da gestão / Foto: Polyanna Monteiro – ASCOM/SMS

Aldo Calaça, secretário adjunto de Gestão em Saúde, explica a importância do encontro. “O Pam Salgadinho é a maior unidade de saúde do município, atendendo a uma demanda populacional muito grande. Por isso, estamos permanentemente pensando em ações para melhorar a prestação dos serviços aos nossos usuários e esse Plano Colaborativo tem como propósito valorizar ainda mais o capital humano e intelectual que temos no serviço”, afirmou.

Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

O secretário adjunto acredita que com a valorização do capital humano e apoio da academia é possível colocar em prática uma gestão mais profissionalizada, que garanta a continuidade e qualidade dos serviços oferecidos pela Saúde de Maceió. “O objetivo é, sempre, atender da melhor forma nossa população”, disse Aldo Calaça.

A apresentação do Planejamento Colaborativo ficou por conta de Sérgio Accioly, assessor técnico do Pam Salgadinho, e responsável pela área de Planejamento, Inovação e Gestão de Pessoas. Segundo ele, para que ocorra o acolhimento aos usuários de forma humanizada e padronizada, é preciso que sejam trabalhados três pilares.


Sérgio Accioly, assessor técnico da SMS apresenta planejamento colaborativo. Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

“Nosso primeiro foco é nas pessoas, trabalhando o olhar para usuários e servidores, intensificando os serviços de apoio à saúde do servidor, desenvolvendo melhores práticas de inclusão e atendimento. O segundo é foco acadêmico, trazendo mais para perto, sobretudo, áreas que não são da saúde, como administração, ciências contábeis que podem contribuir para uma boa administração; e o terceiro pilar, e que engloba todas as áreas, é a gestão, que deve estar voltada não só para resultados, mas para humanização”, explica Accioly.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *