quinta-feira, 04 de junho de 2020

Notícias

In:

Em Assembleia da OMS, ministro interino da Saúde reitera comprometimento do Brasil com a luta mundial contra o novo coronavírus

Por Luciano Marques

Em participação na 73ª Assembleia Mundial da Saúde, a primeira na história realizada por videoconferência, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, agradeceu o empenho dos profissionais de saúde no enfrentamento ao novo coronavírus. Ressaltou que o país, por ter dimensões continentais, precisa de estratégias diferenciadas e prometeu engajamento na luta mundial para busca de diagnóstico, medicamentos, vacina e tratamento da pandemia. O discurso em inglês foi transmitido na internet pelo site da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O ministro interino reforçou que o Brasil vai continuar apoiando e participando das iniciativas internacionais, como o Solidarity Trial, e a Aliança Global por acesso a vacina e tratamento contra Covid-19, que fortalecem a cooperação internacional e buscam garantir o acesso universal, ao diagnóstico, aos medicamentos e às vacinas.

Pazuello explicou também que as dimensões superlativas do Brasil levaram o Comitê de Crise, coordenado pela Casa Civil, e o Comitê de Operações de Emergência, coordenado pelo Ministério da Saúde, a adotarem estratégias específicas para cada local para o enfrentamento do coronavírus.

Além disso, o ministro interino agradeceu o empenho dos profissionais de saúde e se solidarizou com as famílias que tiveram vítimas fatais da Covid-19. Segundo ele, o Ministério da Saúde nutre profundo respeito e agradecimento aos milhares de profissionais e a todas as pessoas que participam desta operação, em especial àqueles na linha de frente, que se expõem diariamente à infecção para salvar vidas.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com