terça-feira, 31 de Março de 2020

Notícias

In:

São Miguel dos Campos

Por Laurentino Veiga

Terra de dos Caetés, Ana Lins, Visconde de Sinimbu, colunistas sociais Maria Cândida Palmeira/Lilian Rose, desembargador Antonio Moura Castro, Padre Júlio, Monsenhor Benício, senador Rui Soares Palmeira, historiador Romeu de Avelar, Padre Luiz Soares Palmeira, Nivaldo Jatobá. Escritora Nádia Fernanda Maia de Amorim, Modesto de Souza, comendador Miguel Soares Palmeira, médica Maria Tereza Pacheco, poetisa Maria  de Lourdes  do Nascimento, membro da AAI, ex-governador Manoel  Sampaio Marques  cantada  pelo poeta-escritor Ernande Bezerra.

“ Minha terra de campos verdes/ De água pura e cristalina,/ Chão enfeitado de riqueza,/ Paraíso de muitas minas/ São Miguel de usinas e petróleo,/ De gases e riquezas minerais,/ De solo verde e perfumado,/ Outra mais bela jamais”.

Antonio Valentim dos Santos  escreveu o belo livro intitulado São Miguel  dos Campos, obra comemorativa dos 153 anos do descobrimento do Rio São Miguel e 150 anos do aniversário da cidade do mesmo nome.Nesse sentido, vê-se o Prefácio de Maria de Lourdes do Nascimento, radicada na Cidade Maravilhosa. “ São Miguel, um rio: São Miguel, um Santo; São Miguel dos Campos, um pedaço de Alagoas. Antes, um caminho; hoje, uma cidade.E no Nordeste do Brasil, às margens de um rio descoberto em 29 de setembro de 1501, dia do Arcanjo São Miguel,surge anos depois – a cidade”.

O autor, por sua vez, fez acurada pesquisa envolvendo Cenário Histórico, Cenário Brasileiro, Cenário Geográfico, Cenário Econômico, Cenário Sócio-Cultural,Cenário Político, Cenário Religioso, Cenário Urbanístico, Filhos Ilustre, Apêndices  e Anexos, e, finalmente, vastas bibliografias.

Estão inseridos os tópicos, a saber: Primórdios, Alagoas no Descobrimento do Brasil, Os primeiros habitantes, A morte do Primeiro Bispo do Brasil – Dom Pero Fernandes Sardinha, Versão contraditória, Origem do nome São Miguel,Formação do núcleo miguelense, Invasão holandesa, Os mártires miguelenses, Rosa do gentio da Costa, Elevação à cidade, Organização Judiciária, Formação Administrativa, Tráfico de negros africanos em São Miguel,Principais fatos e personagens do Nosso município, Revolução Republicana de Pernambuco ( 1817/1824), Guerra dos Lisos e Cabeludos,  Tragédia em águas miguelenses, Localização: “ São Miguel dos Campos está localizado no litoral sul do Estado de Alagoas, tem configuração de um polígono irregular, parecendo um quadrilátero de linhas tortuosas em que se tenha tirado outro quadrilátero em um dos vértices, o que se dá no lado do Sul, onde o rio Puxim parece entrar pelas terras de são Miguel”.

Por outro lado, destacam-se Limites, Clima, população, Divisão territorial, Superfície, Jequiá da Praia, Usina Sinimbu, Lagoa AZEDA, Povoados miguelenses, Bernardo Lopes, Solo miguelense, vegetação, Relevo,Matas miguelenses, Riquezas naturais, Hidrografia, Rio Jequiá, Rio Sumauma, Rio Niquim, A bacia das Alagoas, Riachos miguelenses,Indústria e Comércio, implantação das indústrias migueleses, Usina Cansanção de Sinumbu, Cia de Fiação e Tecidos São Miguel, Usina Caeté, Usina Roçadinho, Atol, Granbio, Comércio, Agricultura, Os primeiros Engenhos, Pecuária, Evolucão da ovincultura miguelense, As bases da sociedade miguelense.

Dir-se-ia que Antonio Valentim, miguelense por adoção, realizou  um documentário histórico a serviço do bucólico municio de São Miguel dos Campos. E, portanto, estreou na literatura com o pé direito. Artesão de cerâmica, tornou-se um artesão da historicidade caetés.Merece, pois, encômios pela feliz iniciativa. Felicito o autor por tamanha capacidade de resgatar a história de são Miguel dos Campos.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com