sexta-feira, 30 de julho de 2021

Notícias

In:

Alimentos alagoanos se destacam em feira de exportação no Canadá

Por Redação com Agência Alagoas
Doce de leite da Popular Alimentos foi utilizado durante jantar para investidores. Divulgação

Doce de leite da Popular Alimentos foi utilizado durante jantar para investidores. Divulgação

Alimentos produzidos em Alagoas, como o óleo de coco, paçoca e a pimenta rosa, estão em exposição, até esta sexta-feira (4), no Salão Internacional de Alimentação e Bebidas (SIAL), que acontece em Montreal, no Canadá. O evento é uma das principais entradas para os mercados norte-americano e internacional.

Integrando a programação do evento, a originalidade e o sabor dos produtos alagoanos foram exaltados em jantares promovidos para representantes da Câmara de Comércio Brasil-Canadá e investidores. Itens da empresa Popular Alimentos, como a paçoca e a goiabada, o leite de coco da Copra Alimentos e o açaí estavam entre os ingredientes utilizados nos menus do chef de cozinha de Toronto, Doug Penfold.

Vale ressaltar que ambas empresas participantes da SIAL são incentivadas por meio do Programa de Desenvolvimento Integrado (Prodesin), que oferece a redução de 92% no pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na saída dos produtos industrializados, dependendo da quantidade de empregos gerados.

Empresas como Copra e Popular Alimentos, ambas incentivadas pelo Prodesin, participam do evento de exportação  (Kaio Fragoso/Divulgação)

De acordo com a avaliação de um dos sócios da empresa, responsável pelo contato dos produtos com o mercado internacional, a SBB Traiding,  Murilo Cesar Schlempe, a participação na Feira vem sendo extremamente positiva. “Em sua quase totalidade os consumidores e empresários se deparam com total surpresa por nunca terem experimentado esses alimentos, então esse contato é bastante essencial para que o mercado canadense e de outros países conheçam o que temos para oferecer”, pontua Murilo.

Outra iguaria levada para SIAL é a pimenta rosa, especiaria produzida às margens do São Francisco, em Piaçabuçu.

Sabor da terra

A participação de produtores e empresas locais em feiras de exportação integram ações voltadas para as rodadas de negócios, promovidas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), que buscam aproximar os vendedores dos possíveis compradores.

Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, a oportunidade é compreendida como uma forma de captar novos mercados. “Queremos mostrar a qualidade e a nossa diversidade de sabores, e assim desenvolver ainda mais a economia local, promovendo a cultura exportadora entre os produtores e empresários”, avalia Rafael.

Além disso, a participação em feiras integra o Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE) do Governo Federal, que, em Alagoas, é formado pela Sedetur, Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea), Sebrae, Senac, Banco do Nordeste, Banco do Brasil e Correios.

Compartilhe:
Tags: ,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *