sábado, 16 de outubro de 2021

Notícias

In:

CRB perde para o Vila Nova no Rei Pelé, mas se mantém no G4

Por Redação com GE

O CRB recebeu o Vila Nova neste sábado, no Estádio Rei Pelé, podendo disparar dentro do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. O Galo da Praia, no entanto, acabou surpreendido e saiu de campo derrotado pelo placar de 2 a 1. Apesar do revés, a equipe alagoana se manteve dentro do grupo de acesso para a primeira divisão, pois nenhum de seus adversários diretos venceram na rodada.

A partida teve poucas chances claras de gol na primeira etapa. Com isso, o CRB desequilibrou e conseguiu abrir o placar por meio da bola parada, com Diego Jussani mandando uma bomba em falta de muito longe, aos 18 minutos, e marcando um golaço para o Galo da Praia. No entanto, a equipe da casa, que não vinha fazendo uma boa partida, não conseguiu segurar a pressão que o Vila Nova fez no segundo tempo e tomou a virada. Em três minutos, o Tigre conseguiu marcar duas vezes, em chute de Moisés no canto, aos 30, e em finalização de Vandinho após falha de Juliano, aos 33. Após o balde de água fria, o time alagoano não teve forças para reação e viu os visitantes saírem com a vitória.

Com o encerramento da rodada, o CRB permaneceu na quarta posição da Série B, com 38 pontos. O Galo da Praia só não perdeu sua posição no G4 por conta das derrotas de Ceará e Londrina e do empate do Bahia. Já o Vila Nova alcançou a oitava colocação, com 33 pontos, se afastou da briga pelo rebaixamento e passou a sonhar com uma disputa pelo acesso.

Ambos os times voltam a campo na próxima terça-feira, às 19h15. O CRB recebe o Avaí, no Estádio Rei Pelé. Já o Vila Nova visita o Paraná, no Durival Britto.

O jogo

A partida começou bastante movimentada no Estádio Rei Pelé. No entanto, as equipes criavam poucas chances claras de gol. Com isso, o placar foi aberto somente por meio da bola parada. Aos 18 minutos, Diego Jussani cobrou uma falta quase do meio de campo e mandou uma bomba. O goleiro Saulo até chegou a encostar na bola, mas ela passou e entrou no ângulo, em um golaço da equipe do CRB.

Após o gol, a partida seguiu de maneira parecida ao início do jogo. Com o Vila Nova um pouco melhor em campo, o duelo seguiu movimentado, mas sem grandes oportunidades criadas. A chance mais clara do Tigre aconteceu aos 41 minutos. Marcelo Cordeiro foi lançado na área e chegava livre apenas para completar para o gol. No entanto, o goleiro Juliano saiu de sua meta em jogada de extrema coragem e fez um corte providencial para evitar o empate.

Sem outras chegadas de muito perigo de ambas as equipes, a partida foi para o intervalo com vitória parcial do CRB por 1 a 0.

Ao contrário da etapa inicial, a partida teve uma chance clara de gol logo no início do segundo tempo. Após cobrança de escanteio, Luidy tentou finalização de cavadinha, a bola atravessou a área e quase chegou para Diego Jussani completar para o CRB. No entanto, a defesa do Tigre afastou.

Apesar da pressão inicial, o CRB recuou e viu o Vila Nova crescer na partida. Aos 18, Victor Bolt acertou um lindo chute de muito longe e quase marcou. Na sequência, aos 20, Geovane cruzou com muito efeito e obrigou Juliano a fazer uma grande defesa.

Com a forte pressão, o Tigre não demorou para empatar a partida. Aos 30 minutos, Moisés recebeu dentro da área e chutou rasteiro no canto para deixar tudo igual no Rei Pelé.

O CRB nem teve tempo de se reorganizar e o Vila Nova já virou a partida. Aos 33, o goleiro Juliano falhou após cobrança de falta da direita e soltou a bola dentro da pequena área. Oportunista, Vandinho apareceu para finalizar debaixo da trave e só empurrou para o gol para fazer o segundo da equipe goiana.

Após o balde de água fria, o Galo da Praia sentiu o golpe e não conseguiu exercer uma grande pressão. Com isso, a busca pelo empate aconteceu de forma desorganizada, investindo em cruzamentos para dentro da área.

O CRB, no entanto, não conseguiu criar nenhuma chance clara de gol. Com isso, o Vila Nova apenas aguardou o apito final para comemorar a vitória fora de casa.

FICHA TÉCNICA
CRB 1 X 2 VILA NOVA

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Data: 10 de setembro de 2016, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sa (RJ)
Assistentes: Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sa (RJ) e Wendel de Paiva Gouveia (RJ)
Cartões Amarelos: Marcos Martins (CRB); Geovane, Victor Bolt e Vandinho (Vila Nova)
Cartões Vermelhos: Nenhum

Gols:
CRB – Diego Jussani, aos 18 minutos do primeiro tempo
VILA NOVA – Moisés, aos 30, e Vandinho, aos 33 minutos do segundo tempo

CRB – Juliano, Marcos Martins, Diego Jussani, Flávio Boaventura e Pery; Olívio, Somália (Neto Baiano), Éder Loko (Wellinton Júnior) e Roger Gaúcho (Glaydson Almeida); Luidy e Zé Carlos
Técnico: Mazola Júnior

VILA NOVA – Saulo; Maguinho, Guilherme Teixeira, Reginaldo e Marcelo Cordeiro; Fagner, Geovane (Joãozinho) e Victor Bolt; Fabinho, Moisés (Caíque) e Patrick (Vandinho)
Técnico: Guilherme Alves

Compartilhe:
Tags:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *