domingo, 16 de Maio de 2021

Notícias

In:

Governo discute novas linhas de crédito e inovação tecnológica para APLs

Por Ivan1
Foram apresentadas necessidades das iniciativas produtivas, acesso dos APLs a financiamentos, novas linhas de crédito e maior abertura de mercado para comercialização (Foto: André Palmeira)

Foram apresentadas necessidades das iniciativas produtivas, acesso dos APLs a financiamentos, novas linhas de crédito e maior abertura de mercado para comercialização (Foto: André Palmeira)

Técnicos da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo e da Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve) discutiram, nesta segunda-feira (08), linhas de crédito destinadas aos Arranjos Produtivos Locais (APLs) e as novas possibilidades e demandas dos produtores. O encontro contou com a participação dos gestores dos 18 Arranjos Produtivos existentes em Alagoas.
Na ocasião, foram apresentadas as necessidades das iniciativas produtivas, debatendo o acesso dos arranjos a financiamentos e novas linhas de crédito que possibilitem o crescimento dos pequenos empreendedores e produtores, gerando maior abertura de mercado para comercialização.
“As associações e cooperativas precisam deste momento de interação para ter conhecimento sobre a assistência que o Governo pode conceder aos produtores. As linhas de créditos, o apoio na gestão de negócios, os programas de desenvolvimento das cadeias produtivas, todos esses recursos estão ao nosso alcance e servem para fortalecer o trabalho, desenvolvendo os pequenos produtores e a economia local como um todo”, afirmou a gestora do APL Fruticultura no Agreste, Rosete Albuquerque.
O encontro promoveu, ainda, a discussão de possibilidades acerca de inovações tecnológicas aplicadas à produção e propostas de investimento voltado para a área da economia criativa e sustentável.
Para a superintendente de Desenvolvimento Regional e Setorial da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Giselle Mascarenhas, o conhecimento sobre a realidade de cada produtor favorecerá a expansão dos projetos.
“Nosso compromisso maior é com o progresso dos agricultores e produtores assistidos pelos APLs. Portanto, a demanda de encontros como esse é necessária por permitir a proximidade entre os idealizadores e quem concretiza, em forma de apoio, as ações já pensadas”, destacou Giselle Mascarenhas.
A Desenvolve, representada pelo diretor de Desenvolvimento e Projetos, Fábio Leão, comemorou a recente aprovação da liberação de recursos para os Arranjos Produtivos Locais de baixa renda. O Fecoep aprovou a concessão de R$ 3 milhões, que serão aplicados para o lançamento do II Edital de Apoio aos APLs de baixa renda de Alagoas.
O Programa de Arranjos Produtivos Locais (PAPL) é coordenado pelo governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, em parceria com o Sebrae.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *