terça-feira, 30 de novembro de 2021

Notícias

In:

Acessibilidade é o tema da 3ª Gira Online da sexta edição Festival de Artes Cênicas de Alagoas

Por Pei Shung Fon, sob orientação da professora Manuella Calou e adjunta Keka Rabelo

O Festival de Artes Cênicas de Alagoas (Festal) está a todo vapor e nesta semana dá início a 3ª Gira Online com o tema Acessibilidade, com programação acessível para todos, inclusive, em libras e audiodescrição, nas apresentações de teatro, circo e performance.

A mesa redonda de abertura, na quinta-feira (14), aborda o tema “Acessibilidade: potências, entraves e pré-conceitos na produção e recepção de trabalhos artísticos” com transmissão gratuita pelo canal do Festal no YouTube, às 20h. Já na sexta, também às 20h, haverá a apresentação do Espetáculo O Que Existe Entre Nós?, da Cia Teatral Mestres da Graça.

No sábado, a Cia Turma do Biribinha de Circo e Teatro apresenta o Espetáculo Eu Sem Você Não Sou Ninguém, às 18h, e em seguida Ayò Ribeiro apresenta o Espetáculo Estranhe, às 20h. Já no domingo, às 16h, rola um bate papo com todos os grupos e artistas que se apresentaram nos dias anteriores, finalizando a Gira com o show musical de Malta Lee, às 18h.

FESTAL e o processo de inclusão social

É bem verdade que a Lei Brasileira de Inclusão – LBI nº 13.146, de 6 de julho de 2015 tem sido impulsionadora de mais acessibilidade na área cultural em todo o território nacional. Ainda assim, ainda há uma longa caminhada adiante.

No processo de inclusão é preciso entender que a deficiência está na sociedade e em seus espaços despreparados para o acesso de todes, e também entender que a inclusão é nossa responsabilidade enquanto membros da humanidade compreendendo que os recursos de acessibilidade possibilitam uma ampliação do público ao permitir que outros grupos também possam “catarsiar” com a arte.

Nesses cinco anos o Festal tem contribuído imensamente na construção das pontes acessíveis para as pessoas com e sem deficiência vivenciarem a cena das artes cênicas alagoanas, impactando também o mercado de trabalho para a classe de tradutores-intérpretes que passaram a ter mais um nicho de atuação.

A 6ª edição do Festal – Construindo Aquilombamentos conta com 5 semanas de atividades temáticas que acontecem de 30 de setembro a 31 de outubro, sendo elas: 1ª Gira: Cultura Popular, 2ª Gira: Memória e Política, 3ª Gira: Acessibilidade, 4ª Gira: Gênero e Sexualidade, e 5ª Gira: Cena Pretas/Negras.

Desde a sua 2ª edição, o Festal tem incluído recursos de acessibilidade comunicacional em suas programações promovendo a abertura dos espaços artísticos que eram negados para pessoas com deficiência. Nesta 6ª edição, além dos recursos de libras e audiodescrição, também haverão artistas surdes pautando suas vivências na cena artística.

A 6ª edição do Festal foi contemplada na Lei Aldir Blanc com o prêmio Eric Valdo, e é uma iniciativa da Rede de Artes Cênicas de Alagoas compostas por grupos e artistas independentes do Estado.

Confira a programação:

3ª Gira Acessibilidade

14/10
20h – Mesa Redonda: Acessibilidade – “Acessibilidade: potências, entraves e pré-conceitos na produção e recepção de trabalhos artísticos”

15/10
20h – Espetáculo: O Que Existe Entre Nós?
Grupo/artista: Cia Teatral Mestres da Graça
Teatro

16/10
16h – Espetáculo: Eu Sem Você Não Sou Ninguém
Grupo/artista: Cia Turma do Biribinha de Circo e Teatro
Circo

20h – Espetáculo: Estranhe
Grupo/artista: Ayò Ribeiro
Performance

17/10
16h – Bate-papo com os grupos e artistas participantes
Cia Teatral Mestres da Graça, Cia Turma do Biribinha de Circo e Teatro e Ayò Ribeiro

18h – Show Musical: Malta Lee

4ª Gira Gênero e Sexualidade

21/10
20h – Mesa Redonda: Gênero e Sexualidade – “Os saberes insurgentes da cena artísticualagoanu – inflexões a partir do gênero e da sexualidade”

22/10
20h – Espetáculo: Ciranda de Boldo
Grupo/artista: Wanderlândia Melo
Teatro

23/10
18h – Espetáculo: Reagente +: Modo/moda e movimento
Grupo/artista: Fênix Zion
Performance

20h – Espetáculo: Mamilos
Grupo/artista: Coletivo Corpatômica
Performance

24/10
16h – Bate-papo com os grupos e artistas participantes
Wanderlândia Melo, Fênix Zion e Coletiva Corpatômica

18h – Show Musical: Maju Shani

5ª Gira Cena Pretas/Negras

28/10
20h – Mesa Redonda: Cenas Pretas/Negras – “Cenas pretas em Alagoas: um movimento por outras narrativas”

29/10
20h – Espetáculo: Ao Meu Corpo
Grupo/artista: Rodôlfo da Silva Aquino
Dança

30/10
18h – Espetáculo: Rala Fora Playboy
Grupo/artista: Cia Preto Tição de Teatro
Teatro

20h – Espetáculo: Corpo Saravá
Grupo/artista: Cia Urucungo
Dança

31/10
16h – Bate-papo com os grupos e artistas participantes
Rodôlfo da Silva Aquino, Cia Preto Tição de Teatro e Cia Urucungo

18h – Show Musical: Mary Alves

Para mais informações:
082 98849-2085 (imprensa)
082 99662-3040 (programação)

Acompanhe o FESTAL 2021 pelo Youtube!

Inscreva-se aqui:
https://bit.ly/FESTALnoYoutube

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *