sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

Notícias

In:

Itaú Seguros deve pagar indenização por cobertura parcial de conserto de veículo

Por redação com TJAL
Segundo juiz Ayrton de Luna Tenório, cliente ficou “privada do uso de seu automóvel, ante a falta de autorização da ré para que os reparos fossem realizados”

Segundo juiz Ayrton de Luna Tenório, cliente ficou “privada do uso de seu automóvel, ante a falta de autorização da ré para que os reparos fossem realizados”

O Itaú Seguros de Auto e Residência S/A deve pagar indenização de R$ 10 mil por negar cobertura total a uma cliente que teve veículo danificado em alagamento ocorrido no ano de 2010, no bairro Pinheiro, em Maceió. A decisão, do juiz Ayrton de Luna Tenório, foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico desta quarta-feira (2).

    De acordo com os autos, após a seguradora ser acionada, o carro da cliente foi levado à concessionária, onde fizeram o orçamento inicial para reparo do veículo, que ficou com o motor encharcado.

    A seguradora, no entanto, autorizou apenas o conserto parcial do automóvel, alegando não haver necessidade de substituição de peças, contrariando as sete perícias que atestaram não ser possível o funcionamento do motor sem a substituição do platô e dos bicos injetores.

    Segundo a decisão, “é cabível a condenação da instituição ré pelos danos morais causados, considerando que a autora firmou contrato de seguro para ter coberto os prejuízos advindos de sinistros, mas, mesmo assim, ficou privada do uso de seu automóvel, ante a falta de autorização da ré para que os reparos necessários fossem realizados”.

    A empresa afirmou que a negativa na cobertura total do seguro foi baseada em laudos elaborados por peritos técnicos, que constataram que o platô e os bicos injetores estavam em perfeitas condições de uso.

Compartilhe:
Tags: ,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com