quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias

In:

Dicas valiosas para os jovens se destacarem no mercado de trabalho

Por Redação

Milhares de jovens são lançados para o mercado de trabalho anualmente. Esses mesmos, quando se deparam com a concorrência, podem se sentir um pouco perdidos, sem saber por onde começar essa jornada. Isso porque eles disputam vagas tanto com profissionais que têm anos de experiência quanto com outros recém-formados como eles, em busca de experiência.

O que é preciso saber nesse momento? Algumas dicas são essenciais para que os jovens possam ampliar suas experiências e fortalecer seu currículo com isso. E novos conhecimentos trazem excelentes oportunidades de crescimento dentro da empresa almejada. Essas dicas acabam valendo não só para e quem está começando, mas também para qualquer profissional que esteja também buscando mudar de profissão ou alcançar novos patamares em sua carreira.

 

1. Tenha conhecimento em pelo menos uma língua estrangeira

Fonte: Medium

Fonte: Medium

O conhecimento de uma língua estrangeira é, atualmente, um dos critérios que mais contam pontos ao entrar numa carreira. Mesmo não sendo a língua mais falada no mundo (o mandarim está em primeiro lugar), a o inglês tornou-se a linguagem universal. É a primeira língua lembrada em termos de comunicação com outras nações e também aquela que possui um amplo campo para pesquisa.

Uma pessoa que tenha domínio nesta língua ou até em mais de uma, pode ter portas abertas em todos os setores. Agora, ir com muita sede ao pote pode ser um tiro pela culatra. O mais importante quando o assunto é aprender uma língua estrangeira ainda é o inglês e atualmente há várias opções de aprendizado em que a pessoa não precisa nem sair de casa. Certifique-se de sempre realizar um curso de nivelamento antes de começar os estudos no inglês, pois isto é o primeiro passo para aprender o idioma.

 

2. Invista em cursos complementares sempre

Fonte: itmidia

Sair de uma faculdade não implica necessariamente que se esteja inteiramente desenvolvido para o cargo que almeja. Isso porque o curso superior pode garantir um diploma, mas as ferramentas que serão utilizadas para desenvolver projetos devem ser aprendidas de maneira paralela. Um bom profissional de design, por exemplo, investirá um bom tempo para aprender programas que possibilitem o desenvolvimento de seus trabalhos.

Os cursos devem ser escolhidos de maneira objetiva. Formações de outras áreas serão interessantes a longo prazo, mas, num primeiro momento, deve-se criar um comprometimento no aprendizado de algo que irá agregar sua área. Há pesquisas que comprovam que cursos técnicos ampliam em 38% as chances de conquistar um emprego.

As coisas parecem girar cada vez mais rápidas ultimamente. Creio que todos já ouviram essa frase. Isso também se aplica ao aprendizado que deve ser constante, renovando-se e atualizando-se das mudanças. Isso nos leva ao item 3.

 

3. Seja proativo e engajado

Fonte: amazonaws

As empresas buscam profissionais que se engajem com a causa e possam contribuir para o crescimento da equipe. Isso não significa que o profissional irá se anular, mas, ao contrário, irá comprometer-se, ou vestir a camisa da empresa como se diz por aí. Isso significa dar uma boa performance, cumprir metas e estar sempre em busca de melhores resultados.

Engajar-se e estar sempre pronto a quebrar limites faz com que haja maiores possibilidades de crescimento dentro de uma empresa. Ter seu trabalho reconhecido é uma consequência dessa quebra de barreira que separa os bons profissionais daqueles que têm uma alta performance em qualquer área.

 

4. Seja mais positivo em suas ações

Fonte: aletp

Há momentos em que devemos ser realistas, sabemos que há situações que são difíceis de reverter. Mas mesmo nesses momentos, sempre surge aquela pessoa que segura o grupo, e incentiva a continuar de maneira positiva. Alguém engajado irá buscar modos de resolver algum problema ao invés de cruzar os braços e aceitar uma derrota. Um funcionário que tenha tato para solucionar dificuldades e trazer novas ideias é o sonho de qualquer empresa.

É assim que age um líder. E é dito que um bom líder pode levantar sua equipe e contagiar a todos com sua motivação. Seja um líder, mesmo que não ocupe um cargo de liderança. E como diz Mario Sergio Cortella neste vídeo, um bom líder inspira:

 

5. Utilize-se de ferramentas que o auxiliem e e evite a procrastinação

Fonte: pressablecdn

A procrastinação é uma forma de autossabotagem. Essa ação faz com que se adie uma solução ou demore-se muito para dar uma decisão que deve ser urgente.
Ela não deve ser confundida, porém, com a necessidade de descanso. Essas pausas são saudáveis até mesmo para que as ideias surjam e o corpo e a mente se recuperem. O problema é quando as pausas passam a ser maiores do que o tempo útil, prejudicando o andamento do trabalho.

É necessário que se foque no trabalho, e para isso há alguns métodos e aplicativos que podem auxiliar na organização das ações e agilizar o tempo. Dentre as mais utilizadas atualmente está o trello, que cria uma lista de tarefas e o usuário determina a prioridade de cada um. Há ainda outras ferramentas que podem ajudar a gerenciar as atividades:

Esses são apenas alguns exemplos do que pode auxiliar durante o processo. Sempre lembrando que é necessário que se preencha o currículo com experiências, fugindo-se sempre da zona de conforto, olhando para as oportunidades e tendo uma visão não só de sua área, mas de áreas que sejam correlatas e processos que possam facilitar a inserção no mercado de trabalho.

Compartilhe:
Tags: ,,,,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com