sábado, 21 de setembro de 2019

Notícias

In:

Marcelo Palmeira e Ricardo Melro divulgam nota conjunta

Por Assessoria

A Defensoria Pública do Estado e a Prefeitura de Maceió publicaram uma nota conjunta sobre as ações no bairro do Mutange. O vice-prefeito Marcelo Palmeira foi recebido pelo defensor público-geral do Estado, Ricardo Antunes Melro na sede da Defensoria Pública para a apresentação do Plano de Evacuação das Áreas de Risco do bairro do Mutange, encerrando assim o ruído da semana passada e esclarecendo o papel da Prefeitura de Maceió.

Palmeira destacou a prioridade da Prefeitura no que tange ao cadastramento das pessoas que receberão aluguel social após a evacuação. “O plano está pronto para iniciar e a Prefeitura de Maceió está focada, nesse momento, em salvagardar vidas. Essa é a nossa prioridade máxima”, disse Marcelo.

O fato é que a Prefeitura vem atuante desde o início com a Defesa Civil e todos os outros órgãos que trabalham diuturnamente pela situação de crise na nossa cidade. A voz do vice-prefeito se faz necessária, principalmente no caso dos alugueis sociais e abrigos para a população que será evacuada.

O defensor público-geral do Estado destacou que o grupo de trabalho tem se reunido semanalmente com o prefeito em exercício, o secretário municipal de assistência social, Marcelo Palmeira, a Defesa Civil e Infraestrutura, para adotar medidas urgentes a fim de preservar as vidas das pessoas que estão nas áreas de maior risco. “Se o Judiciário decidir favorável ao nosso pleito, a partir da próxima semana já iremos custear o aluguel social e retirar moradores destas áreas, atuação esta que será realizada pela prefeitura”, informou Melro.

Segundo a nota, a reunião contou, ainda,  com a presença do subdefensor público-geral do Estado, Carlos Eduardo de Paula Monteiro, o coordenador de Proteção e Defesa Civil de Maceió, Dinário Lemos, e o secretário municipal de governo, Eduardo Canuto.

Leia a nota na íntegra:

Mutange: Defensoria e Prefeitura discutem Plano de Evacuação

O defensor público-geral do Estado, Ricardo Antunes Melro, recebeu, na tarde desta segunda-feira (08), o prefeito em exercício  e secretário municipal de Assistência Social, Marcelo Palmeira, para discutir os últimos detalhes do Plano de Evacuação das Áreas de Risco do Bairro Mutange.

A reunião contou, ainda, com a presença do subdefensor público-geral do Estado, Carlos Eduardo de Paula Monteiro, do coordenador de Proteção e Defesa Civil de Maceió, Dinário Lemos, e o secretário municipal de Governo, Eduardo Canuto.

Durante o encontro, o grupo debateu sobre a concessão do aluguel social aos moradores da região da barreira do Mutange e encosta do Jardim Alagoas. O Município será o responsável por realizar o cadastramento e pagar os valores aos cidadãos – frutos de bloqueio judicial, que a Defensoria Pública e o Ministério Público estão requerendo ao Judiciário.

De acordo com a Prefeitura de Maceió, 1.344 imóveis localizados na encosta do Mutange e 400, no Jardim Alagoas, devem ser desocupados.

O defensor público-geral do Estado destacou que o grupo de trabalho tem se reunido com Marcelo Palmeira e representantes da Defesa Civil e Secretaria Municipal de Infraestrutura para adotar medidas urgentes para preservar as vidas das pessoas que estão nas áreas de maior risco. “Se o Judiciário decidir favorável ao nosso pleito, a partir da próxima semana já iremos custear o aluguel social e retirar moradores destas áreas, ação que será realizada pela Prefeitura”, informou Melro.

Segundo Marcelo Palmeira, a prioridade é salvaguardar vidas. “Nós estamos atuando com a urgência e cautela necessárias para a retirada de todas as pessoas que moram na área de risco do Mutange. Alinhados com a Defensoria Pública e todos os órgãos da Prefeitura de Maceió, retiraremos os moradores buscando a garantia do aluguel social”, explicou.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com