terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias

In:

Renan Filho defende retomada do crescimento econômico e geração de emprego

Por Assessoria

Em Recife, ao lado dos demais governadores do Nordeste, Renan Filho participou da reunião do Conselho Deliberativo da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene)

RECIFE – O governador Renan Filho defendeu a retomada do crescimento econômico e da geração de empregos no Nordeste  nesta sexta-feira (24), em Recife (PE), durante reunião com o presidente da República Jair Bolsonaro. Ele afirmou ainda que o Brasil não pode parar esperando pela Reforma da Previdência.

“Nós, governadores do Nordeste, somos a favor da reforma da Previdência. Já assinamos uma carta, inclusive, dizendo isso. Não somos, porém, a favor da retirada de direitos dos mais pobres. O Brasil precisa fazer uma reforma da Previdência que eleve um pouco a idade mínima e que combata privilégios. O que o País não pode é ter uma agenda única, um samba de uma nota só. É preciso retomar o protagonismo, o crescimento”, defendeu o governador de Alagoas, em entrevista coletiva.

Em Recife, ao lado dos demais governadores do Nordeste, Renan Filho participou da reunião do Conselho Deliberativo da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), que aconteceu no Instituto Ricardo Brennand, Várzea, na Zona Oeste da capital pernambucana. No encontro, que contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro e de ministros de Estado, o governador alagoano defendeu que o país, especialmente o Nordeste, tenha uma agenda para a retomada do crescimento econômico e a geração de emprego. Ele afirmou que o Brasil não pode parar esperando pela reforma da Previdência.

Em entrevista coletiva após a reunião, o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, informou que o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) tem estimativa de ampliação de R$ 4 bilhões para este ano. “Sai de R$ 23,7 bilhões para 27,7 bilhões para serem aplicados ainda em 2019. São R$ 3 bilhões destinados à infraestrutura e R$ 1 bilhão ao Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado”, revelou o ministro.

Durante a reunião desta sexta-feira, o Conselho Deliberativo da Sudene discutiu o Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE) e o Projeto de Lei que o institui, a ser encaminhado ao Congresso Nacional para votação. A proposição destaca que o plano regional representa o esforço conjunto da União e Estados na definição de estratégias para a promoção do desenvolvimento sustentável, integrado e compatibilizado com as expectativas dos diferentes setores da sociedade.

O Plano aborda as alternativas de financiamento, que incluem o uso combinado das fontes, a complementariedade entre elas (regionais e nacionais), maior acesso aos fundos regionais por empresas sem disponibilidade de garantia real e incentivo às concessões privadas, incluindo parcerias público-privadas (PPPs).

Apelo

Essa foi a primeira viagem do presidente Jair Bolsonaro, desde a posse, a um estado do Nordeste. Durante o encontro, Bolsonaro fez apelo aos governadores para que atuem no sentido de que a reforma da Previdência seja aprovada. Ele espera que a proposta elaborada pelo Governo Federal receba aprovação do Congresso sem alterações, mas disse que se isso não acontecer, considerará legítimas as mudanças vindas do parlamento.

“Faço um apelo aos senhores governadores do Nordeste. Nós temos um desafio pela frente, que não é meu apenas. É também dos senhores, governadores e prefeitos, independente da questão partidária. É a reforma da previdência, sem a qual não podemos sonhar em botar em prática parte do que nós estamos acertando aqui nesse momento. Faz justiça a reforma da previdência: cobra menos de quem tem menos e mais de quem tem mais”, declarou Bolsonaro.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com