quarta-feira, 22 de Maio de 2019

Notícias

In:

Simulador de direção: processo para obtenção da CNH não mudou

Por Assessoria

O Sindicato dos Centros de Formação de Condutores de Alagoas (SindCFC-AL) esclarece a afirmação do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, e do ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, sobre o fim das aulas nos simuladores de direção, obrigatórias desde janeiro de 2015.

A decisão do novo governo não deve começar a vigorar de imediato, tendo em vista que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), responsável por regulamentar todo o processo de habilitação, se posicione e altere a resolução 543/15, que torna obrigatório a realização de cinco horas/aula no simulador de direção veicular.

A resolução permite ainda que até três das quatros horas/aula de aprendizagem noturna obrigatória sejam ministradas opcionalmente no simulador. É necessário destacar que todos os Centros de Formação cumprem as normas estabelecidas, não podendo mudar os critérios de ensino dos futuros condutores.

Enquanto o Contran não se posicionar, o processo de habilitação continua com as mesmas exigências, inclusive com as aulas no simulador de direção. Os novos candidatos e os já matriculados não serão prejudicados, já que as autoescolas irão cumprir as normas definidas.

Por isso, o SindCFC Alagoas estará em reunião na sede da Feneauto, em Brasília, nesta quarta-feira, dia 13/02, no intuito de levantar questionamentos e buscar mais informações sobre o assunto.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com