sábado, 15 de dezembro de 2018

Notícias

In:

Com time reserva, Cruzeiro derrota Santos no Mineirão e cola no G6

O Santos não se aproveitou da decisão do técnico Mano Menezes de escalar o Cruzeiro com um time reserva, foi derrotado por 2 a 1, neste domingo, no Mineirão, e desperdiçou a chance de encostar na zona de classificação para a Copa Libertadores.

Com a derrota, o time de Cuca perdeu uma invencibilidade que já durava nove jogos. O alvinegro estacionou nos 32 pontos, dez atrás do Atlético-MG, na décima colocação, mas com um jogo a menos que os demais concorrentes. O Cruzeiro entrou em campo com apenas um titular e, com a vitória, chega aos 37, em sétimo lugar, na cola do G6.

O gol santista foi marcado por Gabriel, ainda no primeiro tempo. Após cruzamento de Sánchez, o atacante, de cabeça, acertou o ângulo direito de Fábio. Foi o 13º gol no Brasileirão, o 22º na atual temporada.

Neste domingo, ele completou 200 jogos com a camisa do Santos e afirmou estar seu melhor momento na carreira: “É meu melhor momento dentro e fora de campo. Tenho sido feliz nos jogos. Estou no clube onde amo. Tivemos boas oportunidades, poderíamos ter feito mais gols”.

O Santos ainda teve duas chances de ampliar o placar na primeira etapa, ambas com Rodrygo. Na primeira, acertou o travessão em cobrança de falta. Na outra, recebeu passe na marca do pênalti, mas finalizou sobre Fábio, que fez a defesa.

Do outro lado Vanderlei também fez duas boas defesas: pegou um chute de David dentro da área e uma cabeçada de Murilo, depois que a bola acertou a trave.

No intervalo, Mano Menezes promoveu duas alterações, sendo uma delas a entrada do atacante Sassá. E o resultado foi imediato. Aos 45 segundos de bola rolando, Edilson cruzou da direita, Sassá subiu mais que Alison e empatou de cabeça. O gol do Cruzeiro pôs fim a uma invencibilidade do goleiro Vanderlei, que estava oito jogos sem sofrer gols.

No final do jogo, Raniel também de cabeça virou o jogo e pôs fim à invencibilidade santista. Fábio ainda garantiu a vitória cruzeirense com outras três boas defesas.

O Santos volta a campo no domingo, quando recebe o Atlético-PR, 16h, na Vila Belmiro, pela 27ª rodada do Brasileirão. Já o Cruzeiro tem uma decisão na quarta-feira: encara o Palmeiras, no segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil, no Mineirão. Na partida de ida, no Allianz Parque, o time mineiro venceu por 1 a 0.

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO 2 x 1 SANTOS

CRUZEIRO – Fábio; Edílson, Manoel, Murilo (Léo) e Egídio; Ariel Cabral, Éderson (Robinho) e Bruno Silva; Sobis (Sassá), Raniel e David. Técnico: Mano Menezes.

SANTOS – Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Luiz Felipe e Dodô; Alison (Yuri), Diego Pituca e Carlos Sánchez; Rodrygo, Gabriel e Bruno Henrique. Técnico: Cuca.

GOLS – Gabriel, aos 15 minutos do primeiro tempo. Sassá, aos 45 segundos, e Raniel, aos 37 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Murilo; Victor Ferraz e Dodô.

ÁRBITRO – Braulio da Silva Machado (SC).

RENDA – R$ 78.179,50.

PÚBLICO – 9.029 torcedores.

LOCAL – Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Compartilhe:

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com