quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Notícias

In:

Curso de Sistemas de Informação da Ufal é conceituado com nota 4 pelo Inep

Por Redação com Ascom/Ufal

O curso de Sistema de Informação da Ufal, Unidade Penedo, foi conceituado com nota 4 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), apresentando um perfil de qualidade muito bom. A comissão de avaliação esteve presente na Universidade entre os dias 18 e 21 de março de 2018, analisando a documentação apresentada e visitando as instalações in loco.

Ao realizar as considerações sobre cada uma das três dimensões analisadas, e por considerar também os referenciais de qualidade dispostos na legislação vigente (Diretrizes da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior – Conaes), constam no relatório a atribuição de 3,93 para a organização didático-edagógica; 3,64 em Infraestrutura e o corpo docente e tutorial recebeu o conceito 4,27 .

Para o coordenador do curso, professor Dalgoberto Miguilino, essa conquista é compartilhada e perceptível na relação que há entre alunos e professores que aprimoram o comprometimento mútuo pelo ensino, pesquisa e extensão em Sistemas de Informação. “É excelente ser parte deste momento do curso, que enquanto coordenador, tive a honra e a oportunidade de ter docentes comprometidos e realizando com excelência suas atividades de ensino, pesquisa, gestão e extensão. Além dos técnicos que atenderam às mais diversas demandas do curso, e da primordial dedicação da coordenação geral da Ufal Penedo, da gestão do Campus Arapiraca. E é indiscutivelmente necessário citar os discentes, engajados e partícipes na construção do curso que culminou com a avaliação in loco do Inep/MEC e no reconhecimento dos nossos trabalhos através desta nota. Estamos felizes e prontos, rumo a novos desafios”, afirmou.

O próximo passo, segundo o coordenador da Unidade de Penedo, Alexandre Oliveira, é transformar o curso de SI não só em uma referência para a região, como para o Estado e o país. “A importância de cursos bem avaliados e referenciados trazem enormes avanços para a região, pois estimulam mão-de-obra extremamente eficiente e competitiva o que, sem dúvida, promovem o desenvolvimento socioeconômico da região, fixando o egresso e atraindo novos investimentos de TI”, explicou. Ele completa afirmando que a avaliação com nota 4 vem coroar um trabalho sério realizado pela coordenação do curso, com o apoio da coordenação geral da Unidade, da direção geral do Campus Arapiraca e da administração central da UFAL que “não mediram esforços para que o excelente conceito fosse alcançado”.

Para a procuradora Educacional Institucional, Jusciney Carvalho, esse conceito reflete a realidade do curso, considerando que tratou de um processo avaliativo envolvendo toda a comunidade acadêmica, o que demonstra a importância de um trabalho colaborativo. A professora pondera que, nos últimos três meses, na fase que antecedeu a visita do Inep, foi importante para uma mobilização interna, envolvendo a assessoria da Pró-reitoria de Graduação, a direção da Biblioteca Central, a Superintendência de Infra-Estrutura e o Núcleo de Tecnologia da Informação, além da P.E.I.

“Essas instâncias, reunidas com a coordenação, NDE [Núcleo Docente Estruturante] e representantes discentes do curso, na Unidade Educacional, priorizaram o atendimento das solicitações e exigências legais requeridas na avaliação in loco, que foram possíveis de serem atendidas em tempo hábil”, enfatizou Jusciney..

Para o trabalho foram dedicados esforços na organização e apresentação de toda documentação e estrutura didático-pedagógica do curso, ampliação do acervo bibliográfico, manutenção do elevador na Escola Manoel Soares, que garante a mobilidade de todos os que frequentam o local e, ainda, a entrega de 20 computadores novos para o laboratório de informática, a rede lógica e a garantia da conexão à internet. “Essa é uma conquista que, de fato, ajuda a ampliar a relação da Ufal com o mercado de trabalho e a sociedade alagoana, especialmente na área de TI, onde verificamos uma enorme carência no interior de Alagoas”, destacou.

O curso de Sistemas de Informação da EU Penedo do Campus Arapiraca foi criado por meio da Resolução Nº 65/2013 – Consuni/Ufal. Oferta 50 vagas por ano (2º semestre) e visa transformar o mercado produtivo local pela incorporação de inovações na área de tecnologia da informação. Isso requer profissionais que entendam a complexidade organizacional, em suas diversas dimensões, e façam uso de conceitos, metodologias, técnicas e ferramentas da área de SI para se instrumentalizar e atuar satisfatoriamente neste ambiente.

Compartilhe:
Tags: ,,

Comente no Facebook

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com