sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Notícias

In:

MPF/AL acompanha melhorias no Hospital Universitário

Por Redação com MPF/AL
Reprodução

Reprodução

O Ministério Público Federal em Alagoas (MPF/AL) esteve presente à cerimônia de inauguração do Serviço de Pronto-Atendimento do Centro de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon) e das melhorias nas instalações da Rede Cegonha do Hospital Universitário Professor Alberto Antunes, na última segunda-feira (20).

A assistência oncológica e materno-infantil no estado de Alagoas é acompanhada de perto pela Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão em Alagoas (PRDC). Representando o MPF, a procuradora da República Roberta Barbosa Bomfim esteve presente à solenidade, verificando as melhorias oferecidas pela unidade hospitalar aos pacientes oncológicos e às gestantes.

A implantação do Serviço de Pronto-Atendimento do Cacon era uma demanda do MPF cobrada durante os últimos anos, visto que a Portaria 140, do Ministério da Saúde, exige. “O pronto-atendimento aos pacientes oncológicos é um avanço que pudemos verificar no evento. É necessário que este atendimento esteja disponível 24 horas, o que deve ser implantado num futuro próximo, mas a disponibilidade durante o dia, nos sete dias da semana, já é um avanço que deve ser registrado”, comentou Roberta Bomfim.

A representante do MPF explicou que o atendimento de urgência especializado para os pacientes oncológicos é um direito que não vinha sendo observado no estado, uma vez que as urgências relacionadas ao câncer estavam – e ainda estão – sendo atendidas pelo Hospital Geral do Estado (HGE), onde o paciente é internado à espera de leito disponível numa unidade oncológica. Para a procuradora, “é um importante avanço”.

Na ocasião, o HU também apresentou as melhorias nas instalações do Programa Rede Cegonha, que atende gestantes de todo estado de Alagoas. Agora, com a separação dos setores, as gestantes terão sua intimidade e privacidade preservadas na hora do parto. “As melhorias na assistência materno-infantil apresentadas pelo HU trazem um tratamento mais digno às gestantes”, observou a Roberta Bomfim.

A procuradora ressaltou que as melhorias do Hospital Universitário merecem reconhecimento e devem ser comemoradas, no entanto ainda há avanços no atendimento médico-hospitalar que precisam ser buscados e o Ministério Público Federal continua vigilante neste sentido.

Solenidade – Além do Serviço de Pronto-Atendimento do Centro de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon) e das melhorias nas instalações da Rede Cegonha, o Hospital Universitário inaugurou também o contêiner que concentra parte da infraestrutura dos serviços de tecnologia da informação, além de uma praça de convivência para pacientes e trabalhadores.

Estiveram presentes: A reitora Valéria Correia, a superintende do HU, Fátima Siliansky, e trabalhadores da unidade hospitalar. Também, o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, e do vice Laedson Bezerra, além de superintendentes de hospitais universitários de vários estados brasileiros.

Compartilhe:
Tags: ,

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com